sexta-feira, 21 de março de 2014

Isso não abona a seu favor, senhor(a) candidato/a a esta oferta profissional.

Nos momentos de recrutamento que levo a cabo na minha empresa, vou tendo algumas (muitas!) más experiências com profissionais. Há mesmo muitas pessoas que não merecem sequer ter trabalho, tal é a atitude e a presunção com que chegam, falam e encaram as ofertas e as situações. Comigo, não terão qualquer hipótese, mas até me diverte pensarem que sim. Há uma diferença entre cordialmente mostrar interesse ou desinteresse na oferta e atitudes que ultrapassam o bom senso e a educação.

De vez em quando, vou passar a postar aqui casos que se vão passando nestes processos de recrutamento, porque há TANTO para contar e são coisas mesmo do arco da velha. Aguardem! 




1 comentário:

Maria Varredoura Pau de Vassoura disse...

Aguardo ansiosamente!!! lol
Faço ideia os tipos de pessoas com que te cruzas.
Só me lembro de uma vez ter feito uma valente figura triste (numa entrevista), tive um bloqueio e não conseguia falar. Por mais que puxassem por mim...não consegui.
lol